São José dos Campos Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
11 de julho de 2014 13:56

Ministro confirma 26 mil agentes de segurança para a final da Copa

Segundo José Eduardo Cardozo, o efetivo já estava previsto e não sofreu alteração

Por Redação

copa

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo anunciou ontem (10) que o esquema de segurança para a final da Copa do Mundo, neste domingo (13), no Maracanã, vai contar com cerca de 26 mil integrantes das forças de segurança. Argentina e Alemanha se enfrentam às 16h.

Segundo o ministro, o efetivo já estava previsto e não sofreu alteração pelo fato de a Argentina estar na disputa pelo título.

“É aquilo que tinha sido planejado para uma final. Obviamente, dentro de um detalhamento de segurança que nos dá muito conforto e nos deixa bastante tranquilos de que manteremos o padrão de excelência que temos tido desde o início da Copa do Mundo”, analisou.

Ainda de acordo com Cardozo, a segurança privada do estádio contará com cerca de 1.500 homens.

O governo e a Fifa avaliam situações estratégicas necessárias para a segurança do jogo, dos torcedores e das delegações com chefes de Estado e de governo que virão para o megaevento.

“Temos que acompanhar tudo: proteção de autoridades, proteção de delegações, proteção dos turistas, dos brasileiros. Tudo é observado pela segurança pública e tudo será objeto da nossa ação e da nossa planificação”, afirmou.

 

Os comentários para este conteúdo estão encerrados.