São José dos Campos Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
19 de julho de 2016 14:10

Prefeitura irá construir novo Centro Popular de Compras

Sergio Nigro

Por Papo Empresarial

sergio nigro banner sombra

2289580956

A Prefeitura de São José dos Campos irá construir um novo Centro Popular de Compras na Praça João Mendes, também conhecida como Praça do Sapo.

As obras do novo camelódromo tem previsão de entrega em setembro.
Vendedores ambulantes que atuam no camelódromo da Praça do Sapo, no centro de São José dos Campos, irão deixar o local em até dois meses.

A remoção dos trabalhadores seria parte de um acordo judicial entre a prefeitura e o proprietário da área, onde o camelódromo funciona desde abril de 2012.

Serão investidos R$ 465 mil no projeto na construção dos boxes em uma área no entorno da praça.

A entrada principal do novo Centro de Comércio Popular ficará voltada para a Avenida Floriano Peixoto.

A outra via que circunda a praça será transformada em mão dupla para não prejudicar os clientes de outros estabelecimentos da área.

A transferência dos comerciantes para o novo espaço não irá afetar as áreas de passeio da praça, que continuarão desocupadas.

Desde 2013, para resolver o problema da localização do camelódromo, se estudou várias alternativas para a instalação do novo local, o mais rápido possível para aproveitar as festas de fim de ano, disse o prefeito, que assinou o contrato junto com o presidente da Urbam, que será a responsável pela realização da obra.

O projeto foi aprovado pelos ambulantes em reunião no Paço Municipal. Durante o encontro, a Prefeitura apresentou duas propostas para votação. Venceu o projeto que prevê a construção de 28 boxes do lado direito da praça, com outros 12 de frente para esses.

A mudança de local atende uma reivindicação antiga dos camelôs, que reclamavam da falta de visibilidade de onde estão hoje instalados.

A proposta de um novo Centro Popular de Compras busca atender ainda uma determinação judicial, que obriga a Prefeitura a devolver o terreno do atual camelódromo da Praça do Sapo.

O local foi construído pela administração passada, em 2012, e é alvo
de uma ação de reintegração de posse contra a Prefeitura.

O caso também é analisado por uma CEI (Comissão Especial de Inquérito) na Câmara Municipal, que apura possíveis irregularidades na construção de obras públicas em áreas sem o devido processo de desapropriação.

Fonte:: PMSJC

sergio-nigro-patroc-tempero

Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*

18/08/2016

Danielle

Ótima iniciativa! Acredito que o trabalho dos vendedores seja valorizado com a construção do Centro Pular de Compras, pois será mais seguros para o vendedor e seus clientes. Enquanto aguardamos a construção podemos achar algumas coisas legais nesse link: http://goo.gl/TB71bZ